terça-feira, janeiro 17, 2012



Tem um cisco
No meu poema

À espera de um
Sopro de rimas




3 comentários:

Janayna disse...

o vento já soprou.

Pedra do Sertão disse...

Nem dá para dizer: assopra!

Abraço do Pedra do Sertão

Aline Aimée disse...

singelo.