sábado, dezembro 12, 2009

Inspiração

Rodeado de centenas de elementos
de densa carga poética,
o homem pesca...

Mas nenhum poema é mais importante
que o peixe que lhe resta!

5 comentários:

Marcelo Mayer disse...

FODIDO!!!!! sem mais palavras. quer dizer, foda demais. pq oq mais nos importa é viver. e não só palavras

Ianê Mello disse...

É a lei da sobrevivência.

Não se vive de palavras, ela alimenta a alma, não o corpo.

Muito bom!

Dom disse...

Bela reflexão o poema apresenta.

Henrique

Fernanda Leturiondo disse...

Vixe!Adorei!

Pena que não poderei participar este ano desse delicioso amigo poético.

bjos

J.F. de Souza disse...

Inspiraçao
só pra encher os pulmoes de ar