segunda-feira, julho 13, 2009

A saudade é um braço que cresce na ausência
ali
entre as omoplatas
atrás do coração que contrai
e dilata
A saudade é um braço que cresce com a ausência
até poder
cutucar o meu ombro
e me fazer olhar pra trás
sua sombra
A saudade é um braço que cresce na ausência
quando você vai
é a impressão
que fica.

10 comentários:

Lubi disse...

achei lindo.

Aline disse...

saudoso e bonito.


:)

J.R. Lima disse...

Muito lindo, isto.

Kátia Ruivo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kátia Ruivo disse...

Achei perfeita a imagem da saudade nos cutucando no ombro para olharmos para trás e vermos a sombra de quem nos faz falta. Quanta sensibilidade...muito lindo mesmo.

bjos

J.F. de Souza disse...

Confesso que não lembro de mtos escritos teus, digamos, "com esse tom", abordando a (ou, melhor, sendo abordado pela) saudade...

Gostei disso!

=*

Sandra Regina de Souza disse...

Lindo de doer... acordou tantas saudades daqui....

Múcio L Góes disse...

e nao é que é isto mesmo.!

lindo
bjo

moacircaetano disse...

Ai!
Doeu de tão lindo!

Rayanne disse...

saudade assim...

**estrelas**