segunda-feira, junho 26, 2006

Verve

Escorre dentro
Um pranto
Inflamado.

Cuspo fora
Um suspiro
Atrasado.

Mágoa viva
De um passado
Novo.

Canto a melodia
De uma velha
Canção.

Tiro um vôo raso
E em pedaços
Volto ao chão.

6 comentários:

Leandro Jardim disse...

E do chão
quica à mesa
lápis em riste

entoa nova velha
canção triste
e na poesia resiste
.
.
.
Bonitriste até o fim...

bjs

Múcio Góes disse...

vou nesse vôo
in sólido
insólito vou...

:*

Nanna disse...

Muito triste isso... :|

Beijinhos!
:)

Mary disse...

Dolorido, Aline... Mas muito lindo o seu vôo... :)


;*

pedro pan disse...

, prantos a inflamar e melodias a voar...

|abraços meus|

moacircaetano disse...

inside out...