domingo, junho 10, 2007

me somo a seis especiais

um dia li dos olhos
a lida no espelho
da malha da vida:
a foto sublime
na poesia d'aline

---

menos filósofo que Confúcio
tomei-me por cisma
que era pura magia
o primor com que agia
em ritmo e rima
a poesia do Múcio

---

E ninguém mais me engana:
há sabedoria em quem ama.
Pois descobri o dom da soma
na poética da Nanna.

---

Já quem ousa à vida dá tabefes
Como nosso caro Jeff de Souza
Saborosa é a força do Fejones
de ensinamientos e lamentaciones

---

ah, e a Morena Mary
da alegria serena
do amor quando fere
da tristeza amena
do amor quando embala
ah, seu canto, sua fala

---

e como eu gosto de sorrir,
me surpreender
e sair cantando
o pleno domínio
(e o balanço)
das palavras do Moacir Caetano

8 comentários:

fabio jardim disse...

que bonito!

Múcio Góes disse...

é bonito, é bonito e é bonito! sete vezes sete, sempre, nem que chova canivete.

[]´s

Mary disse...

Eita, que essa semana promete!

Coisa linda, Jardim!

;**

Lisardo Lopes Gonzalez disse...

Um pouco grande mas com algumas ambiguidades interessntes como a "lida"

Jefferson de Souza disse...

E eis que do Jarrrdim brotam seis belíssimos mini-poemas! Beautiful!

Começou bem, essa semana!

1[]!

Aline Borges disse...

Maravilha!

Lindo!

Impressos no meu coração!

Bjão, Leandro!

moacircaetano disse...

com que carinho me senti agracidado...
um grande abraço, florido Jardim!

Nanna. disse...

Aaaaaaaaaaaaaiii, brigada, queridinho!!!

Monte de beijosssssssssssssssssssssssssss!!!

:)))))))))))))))