sábado, novembro 07, 2009

miMa

Eu te escreveria todas as palavras que moram no meu dicionário,
mas é o silencio que inunda-me quando penso que não as leria.
Vou de Hilda, passo por Leminski, perco-me em Bukowski, mas é em ti,
nos teus versos, onde meus olhos sorriem.
De mim pra ti, só tem amor.

5 comentários:

J.F. de Souza disse...

Mima nossa Ma! =)

=*

FICA, MARINA!

Eduardo Trindade disse...

Sentimento assim grande, só sente quem sabe o que é ter os olhos sorrindo.
Lindo...

Mary disse...

eita, tanto carinho... :)

te amo, alhi! :***

Í.ta** disse...

amor com referências literárias :)

bonitos versos.

moacircaetano disse...

uau!