domingo, março 09, 2008

Fuga

Caçando em minha mente insana
Idéias
Borboletas que cismam em fugir
cada vez que lhe aproximo minhas mãos
Fugiram
e levaram o jardim consigo
Levaram tudo
Não consigo entender
como podem ter levado
tudo
A não se que...
Sim!
Não!
Oh, merda! O jardim fugiu com elas!

6 comentários:

Mary disse...

hahaha, demais!

adorei, Jeff! :D

beijos

moacircaetano disse...

Todos têm essa maldita vontade de seguir o que é belo... rs...

Diogo Viana disse...

Que arte vocês andam aprontando por aqui, ein?
Puxa, volto mais...

A czarina das quinquilharias disse...

huahahhaha
adorei!

Aline disse...

Imaginei a cena :D

Uma graça :*

Leandro Jardim disse...

hehe, muito bom!

E olha a coincidência, acabo de postar um poema com o mesmo nome desse: "fuga". Venho ler o seu e você diz que o jardim fugiu com elas! Uau! A vida é mesmo rica em mistérios... hehe

abração
Jardim