segunda-feira, março 17, 2008

nos conformes

Tudo o que eu peço

É ser amada acima de todas as coisas
Até o ultimo fio de cabelo
Até a última gota de sangue
Até a última planta da sacada
Até as palavras cansarem e caírem das páginas
Até a última fibra de carne se extenuar
Até entornar os remédios das prateleiras
Até que os tempos acabem e se acabem de novo e se acabem de novo

Será que é pedir demais?


(se for, bom, então você pode só pagar o motel)

7 comentários:

Anônimo disse...

Não é pedir demais, não. Todo mundo merece ser amado assim.
Muito bom!
Marcia

maria disse...

queria também nao me contentar, no fim das contas, somente com o mínimo.

Leandro Jardim disse...

Depende do motel e do quarto escolhido... hehehehehehe... e da condição financeira do parceiro =P

hehe, muito bom!

beiJardins

Aline disse...

rs
a não!
estava até indo bem...


bjo, preta.

moacircaetano disse...

Cza!
Não sei mais o que dizer de vc, adjetivos se esgotam e fico repetitivo.
Putz, como eu sou teu fã!

Múcio L Góes disse...

nada de mais, nem de menos, só o essencial, sol...

bjo, Czalinda.

Mary disse...

Digo o mesmo que a maria.

Adorei! :*