quarta-feira, janeiro 24, 2007

e esse blá blá blá
que não me esquece
e o tal de conversê
que não me aquece
e essa tanta demora
que me entristece
no meio dessa vida
[dentro de mim]
que floresce

13 comentários:

Eu* disse...

E floresce sempre que regamos!
muito fofo este seu poema!
bjs!

mary disse...

Vc tá falando de mim? rsrs...

Adorei, Nanna!
Que lindas flores estejam por vir...

;**

cássio amaral disse...

Tudo muito boma aqui Leandro.

Poemas muito bons meu brother.

Abração.

Juliana Marchioretto disse...

conversas demais e verdades de menos, né?!

beijoos flor!

Leandro Jardim disse...

florescer dentro
é o que importa
é o que é porta
a flor ser dentro


bonito, Nannita
beiJardins

moacircaetano disse...

deixa a vida florescer então
deixa a vida ser e crescer
e se levantar de antemão

deixa a vida ser um ponto de interrogação!

beijos!

Aline disse...

Poema reflexo.
Perfeito.!

Beijinho :D

Bela Lachter disse...

E que pelo visto vai ser colorida e perfumada!!!!
Beijos

Juliana Pestana disse...

"e o tal de conversê
que não me aquece"

tantas palavras jogadas ao vento e nenhum calor daqueles que aquece o corpo e a mente...

sei.. sei... sei bem! ;-)

Bjinhos meus.

Ah, vesti roupa nova. Vai lá ver o modelito do mendoscopia... rs

Marla de Queiroz disse...

E inda essa capacidade de encher um saco que nem temos........

Foi no ponto!

Rayanne disse...

É quando parece
Que o amor se esquece
De quem, frio padece
Milagres de acontecer.

**Estrelinhas**

Keila Sgobi disse...

e que bom que tem flores!!!!

flores dão frutos!

que dão sementes!

que dão novas vidaaaaaaaaaaaaaaas!!!!

fabio jardim disse...

e é por aí mesmo!