sábado, janeiro 03, 2009

De: Moacir (http://moacircaetano.zip.net)
Para: Sandra (http://feitaemversos.blogspot.com)

Ainda me lembro
o dia em que adentrei a tua casa.
Quase um templo.Quase pisando em brasas.
Se misturaram então em mim
a mais nova amiga
e a poderosa poetisa.

Mas logo teus cuidados, teu carinho
me alimentaram, assim como o jantar
que tuas mãos tão bem souberam rimar.
E o pouso, tranquilo, reconfortante
daqueles que por um instante
pensam estar em seu próprio lar.

E de manhãzinha
um passeio delicado por teus discos,
teus livros e tua cozinha...
Lô Borges, leitura e café,
até
parecia que a casa era minha.

Feliz aquele que ousa
adentrar os domínios
dessa tal Sandra Souza...

(Sandra, amiga... obrigado por tão aconchegante, tão carinhosa acolhida. Essa é a poesia que eu quis fazer e deixar sob um ímã na sua geladeira, mas me faltaram palavras à época. O Destino serelepe me deu essa chance. Beijos e Feliz Natal, pra você e pra todos).


De: Sandra (http://feitaemversos.blogspot.com)
Para: Rodolfo (http://ecosdiversos.blogspot.com)

Meu amigo poético não é nada discreto...ops, digo: secreto!Mas foi nessa brincadeira que nos conhecemos...rs...Nossas palavras logo perceberam uma afinidade infinita...e, apesar de ele criticar fervorosamente a pobre da rima, foi inevitável usá-la no meu presente...rs...Com todo carinho, pra você, FEITA EM VERSOS:

Com gestos

íntimos

me projeto

no teu úni(co)verso

de poemas mínimos

e dispersos

que teus verbos entoam

entre meus ecos

...que ressoam


De: Rodolfo (http://ecosdiversos.blogspot.com)
Para: Mary (http://versosdelirios.blogspot.com)

Minha amiga secreta-poeta é também quem vai ver os presentes antes de todo mundo, o que gera uma dificuldade, tive que mandar o presente no último minuto!

A poesia dela é cheia de uma sensualidade sonhadora que fala de vida, de amor, de música, de sonhos, de dúvidas, do mar, do necessário para viver e ser feliz (não necessariamente nesta ordem) sem cair em lugar-comum, na rima fácil, no batido. Minha amiga poeta é uma exploradora do mundo das palavras e sempre traz alguma novidade, uma surpresa delicada, uma revelação que vai além das palavras.

O presente quem ganhou, de verdade, fui eu, com a descoberta do blogue e da amiga querida.

Enfim, segue o poema-presente pra
Mary-Marina-Morena-Marena-Moryna-mas-faça-o-favor... do B7C


************************

só lá...

o que um rio sente
quando invade o mar
nem as águas sabem
até chegarem lá

(J. R. Lima)

************************

"Desejo que a todas as coisas boas que você pode imaginar invadam sua vida, e passem a fazer parte dela, como o rio que invade o mar!"

Um beijão!

Jordolfo "dos ecos" hehehehehe

12 comentários:

Leandro Jardim disse...

Com chave de ouro fecha-se um amigocultopoético sensacional!

parabéns a todos!

Sandra Regina de Souza disse...

AI!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Moacir!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! (Isso sim é que se pode chamar de MARMELADA!!!!!..rsrsrsrsrsrsrsrs)
Nossa, menino! Vc se lembrou de todos os detalhes!! AMIGO-mais-do-que-amado!!!!!!!!!! OBRIGADA pôr entrar na minha vida... na minha casa... nas minhas rimas entranhadas... Obrigada!!!!! Ah... ia até esquecendo...rs... espero que o Rodolfo goste do meu singelo presente... (eu adorei o que ele fez pra Mary!)

J.R. Lima disse...

Olááá!!

Puxa, gente, que legal!

Obrigado, Sandra, lindo o presente! Eu não tenho nada contra rima, não, gosto muito, na verdade...

Obrigado, lindo o presente!

J.F. de Souza disse...

E, pra encerrar com categoria, eis que temos a última leva!

E mais marmelada! (Mas ficou uma marmelada boa, de fato...)

Moa! MUITO DAHORA, o presente teu pra Sandra qridíssima!!! =)

J.F. de Souza disse...

E o presente do caro Jordolffffffffo pra Ma qrida ficou excelente também! Singelo, mas sem peder a força!

Aindassim, gostei mesmo foi do presente de anivesário que ele mandou pra Ma - que tá lá no blog dela, o versosdelirios.blogspot.com! Vejam lá!

----------------------------

FIM

Sandra Regina de Souza disse...

Rodolfo, querido!! Eu não disse que vc não gosta de rima..rsrsrs... foi só uma alfinetada por aquele nosso papo no msn... quando vc "desceu a lenha" na POBRE rima.. (na rima pobre, quer dizer..rsrsrsrsr) Espero que tenha gostado dos versos que lhe fiz mesmo..rs... Adorei escrever pra vc!!!
E, claro: amei o poema com que o meu amado-amigo-poeta Moa me presenteou... (fiquei morrendo de ciúmes quando ele disse que tinha adorado quem lhe coube no sorteio..rsrsrsrs)

mary ienke disse...

tava com saudades das belas palavras daqui!!!
Beijos a todos!

J.R. Lima disse...

Sandra!

Eu adorei o presente! de verdade, mas fiquei meio sem palavras na hora... Puxa, que coisa linda, moça.

Um beijo!

Rodolfo

Mary disse...

Que lindoooo! Eu nem sei o que dizer... Amei meu presente! E essa dedicatória fez valer a pena a espera pra ganhar presente só no último dia! :p~

Adorei, Jordolfo! Obrigada, viu? Eu também te desejo um rio de coisas boas! E claro que também ganhei um presentão que foi conhecer você e seu blog!

Beijos!

~~~
E deixo aqui meu agradecimento a todos que participaram do nosso Amigo Poético! Muito feliz por ter dado certo! :)

pedra no vento disse...

opa, pessoal!

pena q ccheguei tarde, perdi essa festa.. tvz no próx, ne? assim como tava perdendo esste superblogue!

só feras!

abraçosss voadores!

Ellemos disse...

Ah... Quer dizer que acabou???

Moacir e Sandra sempre lindos, não daria pra ser diferente... Mas que marmelada, hein?!

E Moacir já antenado com a nova ortografia...

Super prazer em conhecer o J.R.! Ele visitou meu blog! :) Eu fui ao dele rapidinho... E voltarei sempre, espero... :D

Beijos em todos os poetas!

Alex Pinheiro disse...

Aiaiviw!
Quaaaaanta marmelada...
É o Brasil! Buff!
uhuhuhu

Bjs, abrçaos e ano novo!