quinta-feira, janeiro 08, 2009

Manoel de instruções

noite dessas,
nesses rolés
malucos
que minha alma dá
quando está fora
do papel,

ainda esbarro
na alma
desse Manoel.

10 comentários:

Pavitra disse...


múcio, me leva com vc
para dar esses rolés??

moacircaetano disse...

hehe...
a cara de múcio!

Anônimo disse...

bacana...legal!

Sandra Regina de Souza disse...

Tomara que minha alma esteja por perto... Bjo

J.R. Lima disse...

ainda hás de

anda devagar
com a dor
que o Manoel
é de Barros

Henrique disse...

troca problema por poema é racalcar, ai vai parecer poema de blog de senso comum... hauhauhauah

Henrique disse...

troca problema por poema é racalcar, ai vai parecer poema de blog de senso comum... hauhauhauah

J.F. de Souza disse...

De fato... A cara de Mucius!

Bela homenagem! Vivam Manoel de Barros! =)

1[]!

Mary disse...

maravilha de encontro! :~

lindo, mumu!

:* je t'aime *:

Rayanne disse...

Ah, seu bonito.
Nem tem graça eu comentar.
Assim fã, derramada, derramada.


**Estrelas pro poetamado**