quarta-feira, agosto 16, 2006

Espirituosidade Do Universo

A vida é tanto, que se repete...
É a espirituosidade do universo.
É o próprio fundamento.
É todo o acabamento.
E nem se entrega ao sepultamento.

A vida é tanto, que se repete...
É a força que regula.
É o ânimo da ressaca.
É o tempo que nos mede.
Até finge que acaba.

A vida é tanto, que se repete...
É o fogo que não apaga.
É a fonte no meio da praça.
É o nascimento e a desgraça.
Ela começa, permeia e atravessa.

Enfim, a vida é tanto, que sempre se repete...


____________________________________________

Pessoas, desculpem-me por postar antecipadamente...
Amanhã, quarta, viajarei o dia todo e não terei como acessar
a net... Espero que vocês leiam o post anterior ao meu como
se eu não "estivesse aqui", tá bem? :)
Obrigada a todos pela compreensão...
E monte de beijinhos no coração de vocês!!!

9 comentários:

ObservadOOr disse...

E repete... repete... como disco vinil riscado... repete. Abraços

Bill disse...

A vida é tanto que no fim acaba sendo pouco para o tanto que queremos fazer...

Lindo...

Boa viagem moça.

:***

Jefferson de Souza disse...

A Vida se repete...

- Repeat!

... e, ainda assim, a gente não aprende tudo...

- Repeat!

É... E assim segue a Vida!

- Repeat!

Múcio Góes disse...

vida é o que ar,
amar é o que se quer,
e sal.

bjo.
amo.

Maia disse...

Bonito poema. Faz refletir. Gosto de ler produções assim. Até.

Mary disse...

A vida é.

:)

Boa viagem, Nanna!

Bjus!

Aline disse...

Eterno ciclo.

Um beijo :D

Leandro Jardim disse...

realmente ela é muito espirituosa
posso sentir o vento de seus risinhos

moacircaetano disse...

se repete... se repete... se repete...