quinta-feira, agosto 31, 2006

Amanhã

Amanhã
queria que esse tempo
mudasse
mas isso não depende de mim
Vai depender das coisas
amanhã

Amanhã
quero que o hoje passe
E vai passar
Mas minha mente não vai
esquecer
do hoje
tão cedo

amanhã

Amanhã
será um novo dia
Mas só será novo
se eu decidir
inovar
amanhã

Amanhã, que será?
Mais um dia apenas...
Um dia como outro qualquer
Um dia que eu não quero
amanhã

Amanhã
Eu não sei o que eu quero
da vida
amanhã
Eu não sei o que esperar
Então, só espero
chegar
amanhã

Amanhã
nã sei como será
Hoje
só quero descansar
Que é pra acordar
e tentar viver melhor
amanhã

13 comentários:

diovvani disse...

Você cruzou e eu vim cá fazer um gol... não, chutar-triscar na trave. Às vezes fico pensando: quantos amanhãs-presentes, caberão no futuro. Será que a coisa entornará? Abraço das Minas Gerais.

Selph disse...

amanhã é utópico demais.

Múcio Góes disse...

ar manhã,
querer demais
é essa manha
do meu afã.

clap clap!

[]´s

Patyçazinha disse...

"Amanhã, será um novo dia, e certamente eu serei mais Feliz"
Bjs no Coração
Patyçazinha

Maia disse...

Tô com pressa pra esse "tar" de amanhã. Até.

Mendoscopia disse...

Logo o amanhã será o hoje do depois de amamnhã...e por aí vai, ou vamos!

Marcia

Poeta Matemático disse...

O amanhã é um hoje com mais desesperos e coisas fugazes...

O amanhã é um verso ainda não construído, distraído e mórbido...

O amanhã é a incerteza do caos: terrorismo...

Lia Drumond disse...

Amanhã é sempre uma esperança.

Lia Drumond disse...

Vou linkar no meu por que adorei o que vocês escrevem!

Mary disse...

amanhã
vamos ver
os raios
de sol
o brilho
desnorteia
a manhã

..............

Lindo, Jeff! ;**

p.s: Tô curiosa p/ ver seu poema da próxima 5ª! :P

Leandro Jardim disse...

amanhã é tipo um fantasma
ou uma lembrança que não houve
um sonho não realizado que escancara
amanhã há de se revelar o caro de nossas caras...

bom poema meu bom!
abraços jardineiros

Mendoscopia disse...

Deixe a amanha o seu peso e valor de amanha. Viva hoje o que é de hoje e amanha será um dia melhor.

Belo poema.

Bjos,
Jú.

Raquel disse...

eu concordo com as palavras acima... que o amanhã nos espere com os seus problemas de amanha para amanhã, hoje já nos bastam os de hoje e as vezes eles ja são demasiados pesados...
bjin...