quinta-feira, novembro 30, 2006

Chama de ilusão

uma chama
que não aquece
nem queima
só chama
só atrai
pela beleza
me atraiu
fui atrás do seu calor
senti frio
ela não me esquentou
ela me enganou

ou será que eu me enganei?

5 comentários:

Bela Lachter disse...

onde há fumaça há fogo e onde há fogo... bom, onde há fogo há sempre alguém responsável por ele, basta saber se o incêndio foi criminoso ou acidental...

mary disse...

Vai saber...
Os dois que se enganam... ;)


Bjuss

moacircaetano disse...

o amor em si é um engano...
os desenganos são consequÊncias inevitáveis...

Leandro Jardim disse...

filosófa o amor, filho
ou ama a filosofia
que algo tem ser feito
quando fritados pelo calor


hehehe

poesia reflexão do homem feijão!

abraços Jardineieiros

Nanna disse...

A gente sempre se engana, mas se diverte... Risos!

Beijos, dear...
:)