domingo, maio 17, 2009

Abandono do lar

fica a casa
abandonada

fiz de ti
minha morada

mas você foi
embora

agora,
estou


eu
e mais
nada

8 comentários:

Sandra Regina de Souza disse...

Nossa... será que meu amigo vai de vez viver no Peru?.... não me abandone!!!! rsrs...bjo

Ariane Rodrigues disse...

Lindo, JF!

A sonoridade provocada pela repetição da vogal aberta "a" (em fonética há uma classificação das vogais pelo arredondamento dos lábios ao pronunciá-la e esta é a que dá mais abertura, e onde tem mais abertura tem mais ESPAÇO, mais VÀCUO); isso deixa tudo ainda mais dramático e vazio... A meu ver, ficou maravilhoso!

Me lembrou um poeminha antigão meu:

http://arianerodrigues.blogspot.com/2008/09/vo.html

Bjos, querido!

J.F. de Souza disse...

Lisonjeado por demais, Ariane qrida! =D

E valeu pela "aula", linda! Mas essa da classificaçao dos fonemas vogais eu já sabia! ;-)

Vou lá ver o poema teu! =)

=*

Ariane Rodrigues disse...

Rsrs, não quis dar aula não, JF, apenas deixar claro o porquê do meu elogio. Se não servir procê, servirá pr'alguém...talvez, eu acho. Próxima vez, só faço o elogio, rsrs.

moacircaetano disse...

Singelo...
e belo.

Múcio L Góes disse...

dorido pra danar.

belo idem.

=]

pedra no vento disse...

Gosto de poemas curtos, apesar de tão prolixo que sou.

Muito bom!

shintoni disse...

Olá, J.F.!
Administro o blog Duelos Literários, no qual são publicados textos de diversos autores e que possui a categoria "Tema do Mês". O tema de setembro é "Abandono". Por isso, quando me deparei com este seu post, resolvi perguntar se posso publicá-lo no meu blog, incluindo-o nesta categoria, com os devidos créditos, é claro. Os textos do "Tema do Mês" serão publicados no dia 30/09.
Pode deixar sua resposta em algum comentário no blog (http://duelosliterarios.blogspot.com/) ou enviar e-mail para shintoni@terra.com.br.
Desde já, agradeço.
Um grande abraço!