sábado, maio 30, 2009

Adjetivo

estranho
implícito
trago comigo a dureza dos que conseguiram tudo por si próprio
mas também a doçura apaixonada
dos que não conseguem viver sem as pessoas ao seu redor

impaciente
estúpido
irascível

terno
feliz
sensível

permeável
a tudo que seja sorriso e abraço
a tudo que seja carinho e confusão

volátil
volúvel
nem eu mesmo sei o que se esconde deep inside
meu caminho é o vácuo e quem me dita e distrai
são a brisa e as canções e o sol
e algumas palavras guardadas em meu bolso

e vivo, sem esperar por reembolso

4 comentários:

Sandra Regina de Souza disse...

ADORO sua META-linguagem!... INSPIRADOR é o melhor adjetivo! bjo

Christi... disse...

Amei ! cheio de vida e de ritmo pra se ler.
O blog ta lindo, gostei muito

Beijos

Chris

Poeta Matemático disse...

amei a chave de ouro


hehe

Aline disse...

bonitos versos, poeta.