quinta-feira, outubro 09, 2008

samba da montanha

vou juntar uma merreca
vou dar no pé
vou comprar uma passagem
para meca
vou falar com maomé
pra saber
como é que é
essa tal de guerra santa
que tanto me espanta
homem-bomba
terrorista
maldades a perder de vista
em nome de um deus
qualé
sai dessa maomé
isso não vai dar pé
maior roubada
pára com isso
suicidas não têm vez
no paraíso
aquele lance
das setenta e tantas
virgens
não passa de vertigens
balela
puro caô
coisa que algum
infiel desocupado
inventou
sai dessa maomé
pra que tanta religião
vamos fazer a revolução
antes de voltarmos
ao pó
pra que guerra
santa ou não
pra que tanta confusão
vamos nessa maomé
vou dizer
como é que é
vamos desfazer o nó
eis aqui a solução
uma só religião
respondendo
ao deus maior







7 comentários:

tarsila disse...

eis aqui a solução.

moacircaetano disse...

hehehehe...
esse eu vi antes!!!!!!!

muito bom!

Mi disse...

d+!

aline disse...

e dá para comentar tuas obras-primas?

sempre melhores...sempre vc.

amo-te.

A czarina das quinquilharias disse...

é, montanha, mostra pra ele!
:*

Sandra Regina de Souza disse...

vc canta o samba... e a gente "dança"... bem-humorado esse jeito de poetar.. AMO!

J.F. de Souza disse...

Belo pa'god! Heheheheheh...