quinta-feira, novembro 20, 2008

falsidade ideológica

hasta la vista
ao seu discurso direto
au revoir
ao seu papo cabeça
politicamente correto

saquei de longe
que você de perto
não é lá
a última coca-cola
do deserto

10 comentários:

Marrí Franco disse...

...a sacada é a alma da viagem... o correto está onde vivem o pulsar, o toque.

Mt bom ainda é pouco!!

=)

Pavitra disse...


múcio é o poeta de quinta (grandeza)

adorei "a última coca-cola do deserto" rsrs

foi muito bom seguir a pista do j.f.!

J.R. Lima disse...

de perto
tudo parece
um pouco mais incerto

de longe
tudo carece.

Mr. Ziggy disse...

HUHUAHUAHUAHUAHUAHUA! Que poema mau, esse! Gostei do "a última coca-cola no deserto". Tem gente que merece dormir com essa. Abraço!

moacircaetano disse...

hehehhe...
tem umas que se acham a bala que matou o Kennedy!

moacircaetano disse...

hehehhe...
tem umas que se acham a bala que matou o Kennedy!

moacircaetano disse...

hehehhe...
tem umas que se acham a bala que matou o Kennedy!

Sandra Regina de Souza disse...

muito...muito... bom!!! direto e certo... certeiro... poema inteiro...

Alex Pinheiro disse...

haha
Muito bom,,, muito bom... tem da teoria que reforça: melhor ficar quieto e acharem que você é, do que abrir a boca e terem certeza! rsrs

Aiaiviw,,, é por isso que, sendo nada, respiro Múcio a fim de estar, algum dia, um pouco mais,,, Obrigado, Góes!

Abraços e humoradas invenções!

J.F. de Souza disse...

mas há sempre uma ponta de verdade
que nos faz querer
acreditar
por mais falso que seja