terça-feira, abril 03, 2007

Telespectatriz


Gosto de escrever sobre a luz e o dia
de escrever sob essa lua vadia
gosto de inventar desatinos
desvarios em desatada euforia
ser da terna e eterna alegria
como se fora essa a última vez
antes da aurora iminente e tardia.
A mesma, que me esvairá em mel
em fel, em léu, dependendo
do que me coloca às mãos
se é que consigo algo traria.
Agrada imaginar-me alegoria.
Gosto de participar do mundo
e não viver à parte, à revelia;
gosto de fazer mover a roda
engenhosa ciranda de gentes
ardores, paixões e histeria
metades somando-se
inteiras lisuras, canduras
intensidades e misturas
densidades e alturas
vilezas mais e menos puras
metade luz, metade dia
metade noite, água fria
metade verde e sua sangria.
Desejo viver, morrer, fazer parte
da história de uma outra outrora.
(Mesmo sabendo que às vezes
eu só caiba nesse mundo
se for assistindo, do lado de fora).


Hoje trago aqui uma pessoa que dispensa apresentações: Luzzsh. Escritora e Poeta, assim, em “caps lock”. Sua Prosa carregada de sagacidade, sua Poesia de alma exposta. Difícil sair de seu blog sem pensar. Difícil ler uma só vez. Amiga cada dia mais querida, amada. Seu codinome é mero adereço perto do que de fato transmite com suas letras. Luzzsh é algo assim, como um sol que esqueceu de apagar.

Mais do mesmo aqui: www.lumevagante.blogspot.com

5 comentários:

Luzzsh disse...

Oi, lindo....

Uia!...já ganhei o dia pelo que escreveu... :)

Obrigada pelo convite. Adoro aqui. Beijinhos...

Octávio Roggiero Neto disse...

ah! Luzzsh, como o mundo é estranho, como tudo nos parece às vezes estar revestido de uma crosta espessa de tédio. somos o que esperam a golfada de fogo que virá do meio da Terra. quantas tardes já suportamos este processo vagaroso, que é a Poesia borbulhando dentro em nós...

o meu amor para vocês, meus anjos queridos, meus anjos da luz, mensageiros das palavras de encanto. o meu amor mais puro para vocês!

Ricardo Rayol disse...

Só posso aplaudir de pé

Mary disse...

Luzzsh cheia de poesia...

Muito bom!

Bjuss

Leandro Jardim disse...

Genial!

Quem não ama as palavras que essa moça emana?! Impossível, bom demais!

Boa, Múcio!

abraçebeiJardins